• Subscribe to our feed
  • Subscribe via mail
Shopping Boulevard

20.04

Estava aqui olhando umas fotos para incluir em mais um vídeo de Paris que estou editando pro canal, e lembrei que não postei nenhum look de lá.

E como eu sei que quando a gente viaja fica meio perdido quanto ao que usar e levar, vou postar os looks, apesar de não curtir muito fazer fotos de looks, vocês sabem…

Estas fotos foram feitas no dia 22 de fevereiro de 2015. Um domingo ensolarado, porém bem frio e com bastante vento.

E usar saia no inverno europeu pode? Pode sim senhor. Desde que com uma boa meia calça térmica. Pra mim não faz a menor diferente estar de calça ou saia, estando de meia calça grossa é tudo igual. A saia é mais uma peça pra dar um toque de style do que pra esquentar de fato, ainda mais no inverno europeu quando quase todos os looks chamam pro preto. Por isso que neste dia dia usei esta saia que tem fios dourados, aí deu uma descontraída. E pra acender o figurino, gola vermelho sangue!! rs

Neste dia eu estava com a meia grossa e por cima coloquei uma meia calça fina preta porque fica um efeito mais bonito, já que geralmente as meias térmicas ou de lã dão umas bolinhas. Guarde esta dica!!

O casacão e a bota de cano alto também seguram bastante o frio. Por baixo do casacão eu coloquei duas blusas. Na primeira camada usei uma camisa de manga comprida fininha (tipo segunda pele), por cima uma blusa de frio de linha (tipo cardigan), e pronto, frio resolvido.

Aí o problema vai pro pescoço, é preciso agasalhar bem, eu só consigo aguentar o frio se estiver com o pescoço bem coberto, assim não entra frio por lugar nenhum. Nas mãos, luvas, senão não dá pra ser feliz. No final da tarde ainda catei meu gorrinho fofo porque caiu o sol e o frio virou gelo… hahaha

Cardigan – Zara / Saia – C&A / Casacão – comprei em Bruxelas / Meia calça grossa – H&M / Meia calça fina – Lupo (by Spartilho) / Bolsa – Carmen Steffens / Gola – Aliexpress / Óculos – Marc Jacobs / Luva – comprei numa lojinha em Paris / Bota – Pisadella / Gorro – H&M

Era um domingo, e neste dia nós tomamos o café da manhã no tradicional Café de Flore, no Boulevard Saint Germain. De lá, pegamos um metrô para a Catedral de Notre-Dame, caminhamos até o Hotel de Ville, depois um pouco pela Rue de Rivoli. Dali partimos andando até o Rio Sena e caminhamos pela beira do Sena sem lenço nem documento, num dia lindo de sol, mas com bastante vento.

Caminhar pelo Rio Sena é programa imperdível em Paris porque ele é cercado por prédios imponentes e lindíssimos e alguns dos principais cartões postais de Paris. E fazer isto num domingo foi ainda mais especial. Muitos parisienses passeando na rua, um clima maravilhoso!

Nossa longaaa caminhada (haja fôlego) terminou no final da tarde na belíssima Ponte Alexandre III.

Catedral de Notre-Dame.

Ponte dos Cadeados.

Pôr do sol incrível na Ponte Alexandre III com a Torre Eiffel ao fundo.

Final da nossa caminhada do dia: Ponte Alexandre III com o Palácio dos Inválidos ao fundo.

comente!

11.04

O kit de viagem da Ville Turismo

Quando eu recebi o kit de viagem da agência Ville Turismo, com quem fechamos a nossa última viagem, eu disse: “Uau! Que ótima ideia.”

Nada das tradicionais mochilas de agência que a gente acaba não usando (só usamos, na verdade, em excursões e parques, justamente para sermos achados com facilidade). Exceto em excursões, usar mochila de agência de turismo é como andar com um out door nas costas: pode me assaltar que eu sou turista. Já passei por isso, então sei o que tô falando.

O kit da Ville Turismo é super. Tudo nele é super útil e necessário numa viagem, não tem como não amar.

Ah, e este post não é jabá. Vocês sabem como eu sou, se eu curto, eu compartilho.

Sem falar que amo empresas que reconhecem o valor deste tipo de investimento.  Mimar cliente é tudo! Marketing positivo certeiro! #ficadica

Kit: porta dinheiro, necessaires grandes, porta passaporte, etiquetas para mala e porta documentos transparente.

O Junior e o Claudio, irmãos que tocam a Villa Turismo, são viajantes de primeira e, até por experiência própria, reuniram realmente aquilo que a gente precisa numa viagem.

Esta nécessaire transparente é algo tipo indispensável. Pra mim, então, que gosto de tudo organizadinho foi a salvação.

Pensa que você tem que ter em mãos tickets dos vôos, voucher dos hotéis, passaporte, roteiro, cartão do seguro, entre outros tantos papéis… Agora imagina isso tudo jogado na sua maxi bolsa, já cheia com carteira, creminhos, escova, necessaire de maquiagem, livro, fone de ouvido, telefone, barra de cereais… e você tendo que encontrar às pressas o seu ticket do vôo.

Aff!!! Você vai agradecer a Deus e à Ville por terem te presenteado com esta bolsinha transparente kkkk

Sempre bem vinda uma proteção a mais para nosso documento de viagem!!

Porta dinheiro, companheirão não só das viagens como também de eventos com grande público. Minhas sobrinhas adoram pegar emprestado para usar no Carnaval.

Tags de malas são imprescindíveis. Isto ajuda na localização, no caso de extravio. É preciso lembrar que nem todo mundo é mal intencionado, caso tenha extraviado a mala por engano, a empresa ou quem encontrar pode te localizar.

Então, gente, tudo muito legal, né?!

Fica então a dica para as empresas de turismo e também para todos vocês, viajantes. Todos esses itens (e outros mais) são mega necessários para uma viagem tranquila.

Obrigada Ville, a viagem foi top. E muitas outras virão, tenho certeza!

Depois vou contar pra vocês sobre os hotéis onde fiquei hospedada em Paris e em Madri. Beijos 🙂

 

comente! 1

10.04

Tenho falado muito em viagem, né turma. Bora lá!

Precisa tirar o passaporte para fazer aquela viagem especial? Então vou te explicar como proceder e ainda compartilhar umas diquinhas.

O novo documento comum padrão ICAO, cor azul, foi implantado em todo território nacional em 2010. É bem mais bonito do que o anterior verde, diga-se de passagem.

Mas quem ainda tiver o passaporte comum antigo, cor verde, ainda pode utilizá-lo regularmente até a data de vencimento constante na caderneta. No entanto, não é preciso esperar até o vencimento do atual para solicitar outro.

O triste de renovar passaporte é deixar os carimbinhos anteriores todos para trás. Viajantes de plantão vão me compreender!! rs Agora, bora tratar de carimbar o passaporte novo.

Pra começar, vamos  às informações… O interessado na obtenção de Passaporte Comum deve ser brasileiro, e é preciso preencher o formulário eletrônico de solicitação e agendamento no site da Polícia Federal (aqui). Neste formulário você vai informar todos seus dados, documentos, enfim…

Assim  que você finaliza o preenchimento do formulário no site,  você deve imprimir a Guia de Recolhimento da União (GRU) –  taxa da emissão do documento (eu paguei um R$ 156,07 – em fev de 2014) – e depois de pagar o GRU você volta ao site para fazer o agendamento

Ao apresentar-se no posto de atendimento escolhido, na data e horário agendados, leve os documentos abaixo. Documentos originais, hein gente. Nada de cópia.

Quero deixar uma dica sobre o agendamento, mas vamos aos documentos primeiro. 

– Documento de identidade

– Carteira nacional de habilitação expedida pelo DETRAN

– Carteira de trabalho e previdência social – CTPS.

– Título de Eleitor e comprovantes de que votou na última eleição. Se não tiver o comprovante, imprima o comprovante de Quitação Eleitoral aqui

– Comprovante bancário de pagamento da Guia de Recolhimento da União – GRU.

– CPF

– Certidão de casamento (caso esteja tirando um nome passaporte e quiser alterar o nome por motivos de casamento)

Agora uma dica na hora do agendamento…

Se tiver com pressa e com dificuldades de conseguir uma data mais próxima, pergunte direto no posto da PF do seu município quando que eles abrem novas datas e se programe para agir com foco neste dia.

Eu fiz isso aqui em Campos e descobri que toda sexta-feira abre, só que toda sexta quando eu entrava já tinha esgotado todas as datas, aí descobri um macete, afinal de contas eu tinha muita pressa.

Aqui em Campos as vagas abrem às 10h e esgotam logo em seguida, então é bom você acessar o site um pouco antes das 10h e ficar dando F5 (atualizar página) até abrirem novas vagas, aí você corre e cadastra a sua.

Realmente esgota rapidinho. Pra vocês terem uma ideia, ficamos eu e meu marido, cada um em um computador, para conseguirmos agendar dois horários, um pra mim e um pra ele, e mesmo assim não conseguimos ser atendidos na sequencia. Ele conseguiu pra de manhã e eu fiquei pra tarde. Mas demos graças a Deus. Ufaaa!!

De toda forma, para não ter que passar por este sufoco, quando começar a pensar numa viagem, se adiante e tire o passaporte e visto, se necessário, antes de qualquer coisa.

Com o meu em mãos antes de embarcar. O porta passaportes foi mimo da Ville Turismo (post aqui). Achei bacana!!

Meu passaporte ficou pronto em 10 dias. Ah, e não precisa levar foto. Agora eles tiram foto no local (e geralmente ficam horrendas kkk)

Se quiser ficar melhorzinha na fita, faça uma make leve, com um pele perfeita, blush, máscara de cílios. Eu ainda fiz uma make com sombra marrom para dar uma profundidade no olho, e os cantos internos iluminados. Vou fazer o post sobre minha make para passaporte e identidade.

Se tiverem ainda alguma dúvida, deixem aqui que eu ajudarei se souber.

Beijos e bon voyage!

Comente 2

26.03

Quatro dias antes de embarcar pra Paris, na sexta-feira véspera de Carnaval, os Correios me surpreendeu com uma caixinha. Fiquei toda felizinha, como sempre, mas eu nem imaginava que dentro da caixa eu ia encontrar minha melhor amiga de viagens.

Na caixa veio um press kit da Acuvue Lentes de Contato Johnson & Johnson (minhas lentes preferidas!! site aqui) com dicas para cuidar dos olhos (vou postar essas dicas aqui num próximo post porque achei muito interessantes e importantes) e uma almofada rolo Fom para aquela soneca restauradora.

A ideia do press kit era nos ajudar a recuperar as energias com conforto para curtir os dias de Carnaval, mas te garanto que vai me fazer mais confortável tanto no dia a dia (com as melhores lentes e cuidados), quanto nas viagens.

As dicas de cuidados com as lentes guardei pra vida {a míope aqui agradece!!!}, e a almofada Fom eu corri para colocar junto à mala.

Eu sempre fui fácil de dormir em viagens, até porque preciso dormir senão passo mal, então a chegada dessa queridinha foi muito festejada.

Nesta última viagem eu andei de carro, avião e trem, ou seja, pude experimentá-la em todas as ocasiões. E gente, para tudo. Não há nada que pague um conforto desse.

Apesar dos voos que peguei nesta viagem terem travesseiros, nenhum se compara à almofada Fom (site aqui). A qualidade da minha viagem aumentou muito.Ela se encaixa perfeitamente em qualquer posição que você escolher para relaxar, é uma peça coringa para apoiar qualquer parte do corpo.

Usei também para apoiar o notebook na viagem e até entre as pernas rs Fora que ela é uma fofura em forma de almofada, feita com tecidos macios e tecnológicos de agradável sensação no toque e enchimento especial. Dá vontade de ficar apertando o tempo todo.

Obrigada Acuvue e Edelman Significa, vocês fizeram da minha viagem infinitamente mais confortável.

(Voltarei para compartilhar as dicas Acuvue de cuidados com as lentes para quem precisa de correção visual… como eu!!)

comente!