• Subscribe to our feed
  • Subscribe via mail
Shopping Boulevard

05.02

Tá com passagem comprada pra Argentina? Curte esmaltes? Então se jogue nas dicas de compras deste post!!

As minhas compras “esmaltísticas” no geral foram estas, mas nem todos eu comprei nas lojas de Bs As, algumas adquiri no Duty Free, como estes da Dior e da Revlon. Ah, os esmaltes da Farmacity não estão nesta foto abaixo porque estavam na embalagem (veja foto acima).

Obs: não foi tudo pra mim, não hein!! Lembrem-se que eu tenho duas sobrinhas adolescentes e uma enteada…hahah. As pequenininhas ganharam este da Pucca.

Pra começar o post vou mostrar dois “esmaltes da semana” feitos com esmaltes portenhos. O roxinho é da linha Pink Love, uma miniatura fofa de viver (trouxe vários), hiper baratinho, que a gente encontra na loja Todo Moda, que tem em todo canto de Buenos Aires, inclusive na Florida, próximo às Galerías Pacificos. É uma lojinha de acessórios com coisinhas que toda menina ama. Tudo bem barato, bom pra trazer presentinhos pra garotada… não deixem de ir, principalmente se tiver crianças e adolescentes em casa. A mulherada adulta também vai amar!!!

Essa linha mini da Pink Love não dá nome às cores, portanto taí Camila usando o roxo:

Este outro coral rosado é o 35 Jazmin – Creme de Naranja da linha de esmaltes da Farmacity. Esta farmácia tem em praticamente toda esquina, e vale entrar em cada uma, pois elas não são totalmente iguais, alguns produtos você encontra em uma Farmacity, mas não encontra em outro, portanto, se curte uma boa farmácia, se jogue! Eu e marido entramos em quase todas que vimos pelos bairros de Bs As… ele também adora uma farmácia…rs… Outra boa dica é comprar o removedor de esmaltes da Farmacity, muito bom e cheirosinho!

Esses esmaltes da Farmacity lembram o nosso Colorama, há cores variadas e o preço é amigo. Comprei alguns para as sobrinhas… veja a Priscila com o Jazmin:

Qualquer esmaltólotra pode ficar doida em Bs As, já que há marcas diversas e cores variadíssimas em todo canto: farmácias, lojas de departamentos, lojinhas femininas, de produtos de beleza, enfim… em todo canto. Comprei vários na Falabella, na Farmacity (como falei acima) e também alguns vidrinhos bem interessantes nas lojas de produtos de beleza Mas Aromas (Calle Florida, 329) e Dodo (Calle Florida, 437 – a loja não tem letreiro). Na Todo Moda, na Florida, comprei os da marca Pink Love e os fofinhos da Pucca. Já os esmaltes de grife (Dior, Revlon, Givenchy, MAC, etc), a melhor opção é comprar no Duty Free, que tem preço melhor do que qualquer loja de Bs As. Leia aqui o post sobre os esmaltes da linha Vernis da Dior, que comprei na viagem.

Agora anote aí o nome das lojas onde vai encontrar esmaltes legais… já pegou o caderninho?

Loja Todo Moda– vidrinhos da Pink Love.

Falabella – Maybelline, Revlon e outros importados (os da Revlon e importados não aconselho comprar em Bs As e sim no Duty Free, como disse acima).

Farmacity – Maybelline, Revlon e os esmaltes Farmacity.

Lojas Mas Aromas e Dodo – vários tipo de esmaltes portenhos, com vidros mais elaborados, cores mais diferentes e, cosequentemente, um pouco mais caros que os de farmácia.

Duty Free – esmaltes de grife, tipo Dior, Revlon, Givenchy, M.A.C, etc.

Agora, salve na mente a fachada dessas lojas de beleza super simples e anote o endereço, vale muito a pena entrar nelas:

Mas Aromas - Calle Florida, 329

Dodo - Calle Florida, 437 (se ligue no número, pois a loja não tem letreiro, ou não tinha até o ano passado)

Las Margaridas - Av. Córdoba, 4625, quase esquina com Scalabrini Ortiz, em Palermo

Nesta loja Las Margaridas e na Dodo eu comprei produtos para cabelos, como L’Oréal, Kérastase, ampolas, etc… Querem dicas? Posso fazer um post! Ah, na esquina da Las Margaridas tem uma Farmacity mega, que vale a visita… Esta loja fica a caminho dos outlets, portanto, peça ao táxi para descer nela, e depois vá andando aos outlets, nós fizemos assim.

Gostaram deste tipo de post, com dicas de compras? 🙂

Comente 5

20.01

Mercadão de São Paulo

A visita ao Mercadão de SP foi na minha ida à Sampa, em janeiro de 2011, para o São Paulo Fashion Week Inverno 2011. Pensando neste SPFW que está acontecendo, lembrei-me de publicar sobre o Mercadão aqui 🙂

Famoso ponto turístico de São Paulo, o Mercado Municipal, intimamente chamado de Mercadão, é muito mais do que um cartão postal paulistano, é uma viagem de sabores e de conhecimento. No interior do belíssimo prédio, de arquitetura em estilo eclético, localizado em pleno Centro de São Paulo, pertinho da famosa 25 de Março, podemos nos deparar com as mais exóticas frutas, como cerejas chilenas, morangos da Califórnia, caqui espanhol, maracujá colombiano, blackberry (amora americana) e pitaya branca, além de morangos suculentos e ameixas imensas, tudo exposto de maneira muito atraente, como todo cuidado na decoração das bandejas, um colorido que fazem nossos olhos saltarem.

Pra melhorar, o pessoal é superatencioso e faz questão que a gente prove um pedacinho de cada coisa. Chato isso, hein! Curti muito o Empório das Frutas, e foi lá nessa banca onde comprei umas frutinhas interessantes pra trazer pro maridão. Fica a dica!

Projetado pelo escritório do arquiteto Francisco Ramos de Azevedo em 1926, o Mercadão foi inaugurado em 25 de janeiro de 1933.

Uma delícia passear por entre os corredores do prédio, que ocupa um espaço de 12.600 m² de área construída e sentir o cheirinho de uma variedade de alimentos, de verduras e legumes fresquinhos, passando por carnes, aves, peixes e frutos do mar de todo o tipo, a massas, doces, especiarias e produtos importados de primeira linha. Eu adoro o Empório das Frutas… saio de lá sempre com a impressão de que não preciso mais sair pra jantar #pançacheia

Um lugar legal no Mercadão é o mezanino, onde estão concentrados bares e restaurantes como a Sala Vip, o Hocca Bar e o Brasileirinho. Lá é possível apreciar as refeições com vista para os vitrais coloridos desenhados pelo artista russo Conrado Sorgenicht, que retratam a atividade agropecuária da época (ao todo, são 32 painéis subdivididos em 72 lindos vitrais).

O pastel de bacalhau e o sanduíche de mortadela já são ícones: quem passa pelo Mercadão não pode deixar de conhecer. Tudo bem que no tal sanduíche, o que menos tem é pão, mas é exatamente este o detalhe especial. É comer e sair dali correndo #pernaspraquêtequero direto pro Parque do Ibirapuera, e nada de metrô… é na lona mesmo! kkkk

Gostou do tema viagem aqui no blog? Sobre Sampa, tem este aqui também. lá no blog da Folha –> Paradinha para refeição descontraída no America Burguer, na movimentada Avenida Paulista. Ainda quero mostrar as fotos da Feira da Liberdade (que tô devendo há séculos) e falar sobre este bairro que é conhecido como o maior reduto da comunidade japonesa na cidade, além das dicas de onde comprar esmaltes e makes, vocês gostariam de ver?

Post publicado no meu blog da Folha em 25/03/2011.

Comente 5

11.01

Quem me conhece sabe que eu adoro viajar, muito, muito mesmo. E sou assim desde pequena… Minha madrinha conta que lá nos meus 7 anos, mais ou menos, quando minha mãe dava o OK para eu viajar com a minha dinda, eu corria para arrumar as minhas coisas e quando elas iam ver, eu já estava com a minha malinha arrumada (do meu jeito, é claro)… Muito independente e com um pézinho na estrada essa menina…hahaha.

Me sinto renovada a cada viagem… é incrível como a experiência de conhecer (ou revisitar) um lugar, provar o seu sabor, respirar sua cultura, conversar com seu povo e, simplesmente, apreciar a paisagem é algo estimulante e energizante. “Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos.” Fernando Pessoa.

Vocês verão muitas viagens minhas e dicas aqui no blog, mas antes de falar de maravilhas em outros estados, país… deixa eu ficar com o meu Rio de Janeiro, que é a mais maravilhosa de todas as cidades. Este post foi publicado originalmente no meu blog da Folha, e agora estou republicando aqui… Clque nas fotos para ampliá-las.

Eu já falei várias vezes sobre o Forte de Copacabana, de onde se tem uma das mais belas vistas do Rio de Janeiro, a Praia de Copacabana, e outro dia fui lá mais uma vez, pra almoçar na Confeitaria Colombo. Nada como fazer uma caminhada apertada (ou correr) na orla e terminar no Forte. Detalhe: O Forte não abre às segundas-feiras.

Dica do blog: se ao visitar o Forte você quiser almoçar, tomar um café ou fazer um brunch na Colombo, antes de começar o passeio no Forte pare na recepção da Colombo e faça a reserva de uma mesa (com certeza haverá fila de espera) – eu sempre opto por uma mesa do lado de fora, de onde poderá desfrutar a bela vista – e deixe o número do seu celular. Enquanto aguarda a sua vez, suba até a Cúpula dos Canhões e curta alguns minutos ali, com a Cidade Maravilhosa aos seus pés. Certamente, em minutos, seu telefone irá tocar: será a hostess da Colombo avisando que sua mesa está pronta (o serviço deles realmente funciona!). Na saída, poderá curtir algumas das exposições e visitar a lojinha do Forte.

Cúpula dos Canhões - Forte de Copacabana

A Confeitaria Colombo, no Centro da cidade, é um patrimônio cultural e artístico do Rio. Lembro do lugar em minha infância, com meu pai, que era freqüentador assíduo da antiga casa, onde saboreávamos deliciosos waffles. Preciso voltar lá! Uma filial da casa é o Café do Forte, que hoje integra o roteiro turístico do Rio e um lugar que não me canso de visitar. Desta vez, pelo horário, abrimos mão dos lanches especiais e preferimos uma Salada Oriental e o Omelete ao Bosque, escolhas perfeitas e que indico muito. A salada é ao molho de iogurte ao curry… Hummm! E imagine saborear algumas delícias com uma vista dessas…

Confeitaria Colombo - Café do Forte

E pra fechar, mais um pouquinho da vista, pra inspirar vocês a conhecer (ou retornar)  quando estiverem no Rio.

E olha a foto que fiz do Copacabana Palace láaaa do alto:

Comente 6

27.12

Anote aí: Isadora em Buenos Aires

Eu já falei várias vezes sobre a Isadora nos posts de viagem para Buenos Aires lá  no blog da Folha. E neste Natal ganhei dois presentes lindos de lá, da minha cunhada que acaba de chegar da capital argentina. Bateu uma saudadezinha de lá…

Diante do maxi lenço luxo (na Isadora tem cada um de babar!) e o maxi brinco black, eu precisava voltar a este assunto.

Quem estiver com viagem marcada para Buenos Aires ou, ao menos, pensando em ir… por favor, não cometa o devaneio de não ir à Isadora!!! Depois não venham chorar pitangas.

A loja é coberta por lenços maravilhosos e acessórios lindos com preço amigo. Tem Isadora na rua Florida e nos shoppings. Anote aí no caderninho e depois não diga que eu não avisei!

Sem falar que as embalagens para presente são uma gracinha e dá para trazer vários mimos para os queridos e presentear com beleza.

Comente 4